POLÊMICA!

Regina Duarte ignora assalto em casa de filho e reclama de Lula

Atriz veterana não mencionou episódio fatídico sofrido pelo filho, mas detonou o presidente Lula

Jean Telles
Repórter do EM OFF

O programa “Brasil Urgente”, do apresentador José Luiz Datena, noticiou nessa segunda-feira (8), um assalto ocorrido na residência do filho da atriz Regina Duarte, em São Paulo. Segundo o noticioso, os familiares da atriz veterana foram feitos refém. As informações foram divulgadas pelo repórter Felippe Garraffa.  

De acordo com o jornalista, um dos suspeitos da invasão na casa do filho da ex-secretária de Cultura de Jair Bolsonaro, foi preso nessa segunda-feira (8). Outros dois suspeitos já foram identificados, mas seguem foragidos. Ainda de acordo com o repórter da Band, o assalto teria acontecido no último dia 24 de abril. 

Dentre os familiares de Regina Duarte que foram feitos refém, estava um neto da atriz que possui necessidades especiais, além de um funcionário da família. No roubo, suspeitos teriam levado uma quantia equivalente a U$$ 17 mil – (R$ 75 mil). Em nota enviada ao portal Terra, a Secretaria de Segurança Pública (SSP), deu detalhes da investigação. 

“Parte do bando, que participou do crime ocorrido no dia 24 de abril, já foi identificado e diligências estão em andamento para localizá-los”, informou a corporação. Nas redes sociais, o que chamou atenção foi o silêncio de Regina Duarte sobre o assunto. A atriz que é assídua em seu perfil no Instagram, não fez nenhuma menção, até o presente momento, sobre o episódio fatídico vivenciado por seu filho. 

Em seu perfil na mesma rede social, a postagem mais recente faz uma crítica ao ministro da Justiça, Flávio Dino. No post, Duarte que é uma crítica ao governo do presidente Lula e que, inclusive, já foi punida pela própria rede social devido as suas postagens com informações inverídicas, reclamou da “PL das Fake News”: 

“O ministro da Justiça, Flávio Dino, disse que a regulação da internet e das redes sociais acontecerá mesmo que o Congresso Nacional não vote ou rejeite o Projeto de Lei 2630/2020. O ministro também compartilhou um vídeo no Twitter no qual deixa explícito que o governo federal e o Judiciário vão fazer sua própria regulação, se o Congresso não aprovar o PL 2630 da forma como o governo Lula deseja”, escreveu ela na legenda de uma foto que continha a seguinte frase: “A liberdade fortalece a verdade”. 

Nas publicações anteriores, Regina Duarte também não mencionou o crime sofrido por seu herdeiro e se limitou a comentar, sobre política. Principalmente posts contra o presidente Lula. 

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte nossa Política de Privacidade.