debochadas!

Regiane Alves e Priscila Sztejnman debocham da Globo após cortes de beijo gay

Atrizes que interpretam Clara e Helena em 'Vai na Fé' ironizaram a TV Globo nas redes sociais

Jean Telles
Repórter do EM OFF

As atrizes Regiane Alves e Priscila Sztejnman mandaram uma indireta para TV Globo nas redes sociais, após suscetíveis cortes de cenas de beijos lésbicos entre as personagens Clara e Helena em “Vai na Fé”. Como se sabe, a emissora dos Marinho foi alvo de muitas críticas, após ter cortado da trama, pelo menos três cenas em que as personagens da as atrizes se beijavam.  

Nos stories de seu perfil no Instagram nesse sábado (10), Regiane Alves apareceu ao lado de Priscila Sztejnman, e juntas elas abriram presentes enviados por fãs. O “mimo” eram dois bonecos da marca Funko, representando as personagens da novela das 19h da TV Globo. Empolgadas com a homenagem, as atrizes brincaram, ao colocarem os bonecos para darem um selinho. 

Priscila Sztejnman ainda jogou mais uma indireta ao declarar: “Aqui não pode”. Antes de complementar sua frase, a atriz parece ter se arrependido da ironia, já que, mudou de assunto: “Amamos!”, agradeceu ela. O momento, no entanto, não passou desapercebido nas redes sociais e muitos internautas repercutiram: 

“Elas debochando da cúpula da Globo com o presente que ganharam dos fãs. Como são boas”, escreveu um internauta no Twitter. “O deboche das gatas pra cúpula que proíbe beijo LGBTQIAP+”, disse outro perfil na mesma rede social. “ Agora corta para a Globo matando uma das personagens”, zombou mais um internauta. 

Não se sabe ao certo porque a TV Globo optou por cortar as cenas da novela de Rosane Svartman, em que as personagens Clara e Helena se beijavam. Mas acredita-se que a decisão tenha sido tomada pela alta cúpula da emissora dos Marinho, temendo que a trama que tem feito sucesso de audiência, seja boicotada pelo público conservador

Isso porque, a novela das 19h acabou “caindo nas graças” do público evangélico, devido a sua premissa religiosa. A TV Globo, inclusive, se explicou sobre a decisão de corte de uma das cenas de beijo entre as personagens de Regiane Alves e Priscila Sztejnman, afirmando que todo folhetim pode sofrer alterações de edição: 

“Toda novela está sujeita a edição. Uma rotina que atende às estratégias de programação ou artísticas. Isso, inclusive, é sinalizado nos resumos de capítulos divulgados pela Globo”, explicou a alta cúpula do canal em nota, após enxurrada de críticas de telespectadores de “Vai na Fé”. 

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte nossa Política de Privacidade.