polêmica

Justin Timberlake confirma rancor e manda indireta para Britney Spears

Durante um show em Nova Iorque, o cantor aproveitou o momento - e o apoio de fãs - para alfinetar a ex-namorada

Gabriel Sorrentino
Colunista do EM OFF

Se ainda fosse possível ter dúvidas se Justin Timberlake guardava rancor pela exposição feita por sua ex-namorada Britney Spears em seu livro de memórias… Agora já não haveria mais. Nesta quarta-feira (30), o cantor se apresentou em Nova Iorque e imagens da apresentação estão circulando nas redes sociais. Aliás, não é por causa do talento – ou sequer das músicas de Justin Timberlake – que seu show está viralizando. O trecho que está dando o que falar se trata do momento em que o artista manda uma indireta para a eterna princesinha do pop.

Antes de começar Cry Me A River (2002), música feita para Britney Spears, Justin Timberlake diz algo curioso, o que deixou os fãs da cantora de Toxic (2003) revoltadíssimos. À multidão, o cantor fala que gostaria de aproveitar este momento para se desculpar. Porém, após uma pausa dramática, o famoso concluiu seu pensamento: “…para absolutamente ninguém!”. Apesar da fala controversa, algumas pessoas do plateia que assistiam à apresentação de Justin Timberlake aplaudiram e louvaram a atitude do cantor.

Britney pede desculpas

Nesta semana, Britney Spears usou seu perfil oficial no Instagram para pedir desculpas ao ex-namorado, Justin Timberlake. Isso aconteceu devido à repercussão das declarações feitas pela cantora em seu livro de memórias, A Mulher Em Mim, lançado no ano passado. O ex-casal, que namorou entre 1999 e 2002, voltou às manchetes após a publicação da obra, onde Britney aborda detalhes íntimos de seu relacionamento com o artista, incluindo um aborto feito em 2000.

Quero pedir desculpas por algumas coisas que escrevi no meu livro, se ofendi algumas das pessoas com as quais verdadeiramente me importo, peço desculpas sinceras“, escreveu Britney. Em seguida, a popstar aproveitou para elogiar a nova música do seu ex-namorado, Selfish. Em meio à divulgação da canção, fãs de Britney Spears trouxeram de volta às paradas de sucesso um hit lançado pela cantora em 2011 com o mesmo nome para provocar Justin Timberlake.

Sam Asghari

As polêmicas na vida de Britney Spears não param. Desta vez, inclusive, envolve o ex-marido da cantora, Sam Asghari, com quem esteve casada durante 14 meses. Nesta quarta-feira (24), a revista US Weekly divulgou detalhes do divórcio tenso vivido pela eterna princesinha do pop. Tenso, aliás, apenas para Britney Spears, já que, segundo o periódico, Sam parece estar vivendo sua melhor vida desde a separação.

Dia 8, Sam posou para fotos no tapete vermelho em um evento em Los Angeles. Depois, o US Sun informou que ele citou Britney Spears para conseguir uma foto com Brad Pitt em uma exposição em Beverly Hills. A artista, por sua vez, não está nem um pouco feliz com o fato do modelo ainda usar seu nome para garantir convites para eventos e conviver com a elite de Hollywood. “Ela acha isso meio patético”, disse uma fonte à US Weekly.

Britney e divórcio polêmico

Quanto ao divórcio, tem sido especialmente difícil para Britney Spears. Afinal, ela e Sam Asghari ainda estão em conflito sobre os detalhes do rompimento. O modelo pediu o divórcio em agosto de 2023, mas o imbróglio continua já que exige mais dinheiro do que fora combinado no acordo pré-nupcial. “Sam sente que deveria ser devidamente compensado por tudo o que passou com Britney”, disse uma fonte à revista, se referindo às mudanças de humor que Sam teria testemunhado enquanto era casado com a estrela pop.

Ainda à US Weekly, um fofoqueiro disse: “A quantia exata que ele [Sam] deseja está sendo mantida em sigilo, mas ele não está satisfeito com o que Britney e sua equipe propuseram”. Uma segunda fonte, por sua vez, acrescentou: “Sam está fazendo tudo o que existe”. De acordo com informações divulgadas pela revista em julho de 2022, Sam Asghari receberia um milhão de dólares por cada dois anos de casamento com Britney. Porém, o modelo também deveria abrir mão de quaisquer direitos sobre o catálogo de músicas da cantora, estimado em 60 milhões de dólares, e teria assinado um acordo de confidencialidade.

Agora, portanto, Sam Asghari acredita que tem direito a mais do que concordou inicialmente. “Sam não está precisando de dinheiro. Mas está disposto a trabalhar e lutar pelo dinheiro extra que acha que merece”, explicou uma das fontes da US Weekly. disse a primeira fonte. Em janeiro do ano passado, foi divulgado que Britney Spears seria “emocionalmente abusiva”. Além disso, foi dito também que poderia ser “cruel” com Sam Asghari, muitas vezes descontando seu estresse nele. Na época, uma fonte disse que a cantora teria culpado o então marido pelo aborto espontâneo que sofreu em em maio de 2022. Supostamente, Britney dizia a ele que “perdeu o bebê porque Sam nunca estava em casa”.

Tensão

O acordo, contudo, está “preso no limbo“, como afirma uma fonte. “Há muita disputa entre idas e vindas.. As coisas se tornaram muito mais complicadas do que ambos esperavam“, acrescentou uma segunda. Embora Britney tenha supostamente desembolsado uma grana alta pelo aluguel do apartamento de luxo de Sam Asghari após a separação, uma outra fonte afirmou à revista que esse não é mais o caso. “Britney não está com vontade de ser pressionada ou apressada em assinar outro cheque enorme para SamEla quer seguir a papelada ao pé da letra e sente que isso é tudo a que ele tem direito, ponto final”, disse o fofoqueiro.

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte nossa Política de Privacidade.