ExclusivoMC Daniel faz acusações contra bet de Luva de Pedreiro e para na Justiça

Funkeiro foi contratado como garoto propaganda da Luva.Bet em março de 2023

Erlan Bastos
Colunista do EM OFF

O funkeiro MC Daniel comprou uma briga com os responsáveis pela “Luva.Bet”, que se intitula “a bet oficial do Luva de Pedreiro”. O cantor foi contratado como garoto propaganda da casa de apostas no começo do ano passado, mas acusou a empresa de não pagar o que havia sido combinado. Nas redes sociais, expôs empresários e fez uma série de imputações criminosas contra o cassino.

A polêmica começou em março de 2023, quando MC Daniel foi contratado para fazer anúncios para o cassino online Luva.Bet, “recebendo como contrapartida uma milionária quantia”, apontam os responsáveis pela empresa. Porém, segundo eles, após alguns meses o funkeiro parou de “prestar o serviço” combinado com a plataforma de apostas.

Não satisfeito, MC Daniel começou a fazer uma série de ofensas pessoais em suas redes sociais contra os donos da empresa. O funkeiro chegou a acusar os responsáveis de crimes como estelionato. Os representantes entraram com uma ação contra o funkeiro, a qual a coluna Erlan Bastos EM OFF teve acesso exclusivo.

Acusações

Em um dos vídeos publicados, MC Daniel diz que não recebeu o cachê combinado pela publicidade da casa de apostas. “Se está dando golpe em vocês, roubando vocês, também me roubou”, diz o funkeiro. “Me usaram para levantar a bet, eu confiei e não assinei contrato, depois eles me deram desculpas e sumiram”, disse no vídeo, marcando as @s dos responsáveis pelo cassino. “Não fecho com safado”, reforçou MC Daniel em outra publicação.

No processo movido contra o funkeiro, os representantes da Luva.Bet apontam que o funkeiro incitou os seguidores a “tomarem providências” contra eles, expondo suas contas pessoais na rede social. A conduta de MC Daniel, reforçam, gerou uma onda de ataques e de ameaças pessoais contra eles. “Se andar moscando na rua sozinho vai tomar murro”, diz uma das ameaças.

Assim, os representantes da Luva.Bet pedem na Justiça que MC Daniel retire qualquer publicação disponível nas redes socias que envolvam seus nomes, proíba o funkeiro de fazer postagens acusando a empresa de aplicar golpes e, ainda, a condenação do famoso ao pagamento de R$ 100 mil pelos danos morais causados por suas falas.

Na ação, os empresários pedem que a Justiça determine que o Instagram retire o perfil de MC Daniel do ar por conta dos “ataques” sofridos. O juiz Adilson Araki Ribeiro, do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), porém, negou tal pedido. Ele citou o artigo 5º da Constituição Federal que concede “a livre manifestação de pensamento”.

Leia mais:

Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços, e recomendar conteúdo de seu interesse. Ao utilizar nossos serviços, você está ciente dessa funcionalidade. Consulte nossa Política de Privacidade.